Valor da aposentadoria terá reajuste em 2022?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Valor da aposentadoria terá reajuste em 2022?

Em 2022 o valor da aposentadoria terá algum reajuste? Confira este post e fique por dentro de todos os detalhes sobre este assunto.

Valor da aposentadoria terá reajuste em 2022?

Sim, a aposentadoria terá ajustes para 2022, conforme informação já divulgada pelo Governo Federal. 

Com o reajuste, o valor máximo de aposentadorias e pensões pagas pelo INSS sobe de R$ 6.433,57 para R$ 7.087,22 em 2022.

Portanto, os aposentados e pensionistas que recebem benefícios previdenciários acima do salário mínimo terão reajuste de 10,16% na remuneração. 

Este valor é calculado com base no INPC que é o Índice Nacional de Preços ao Consumidor.

Este índice é utilizado como referência para reajustes salariais e benefícios previdenciários.

Como mencionamos, esse índice ficou em 10,16% em 2021, segundo divulgou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no dia 11 de janeiro.

Pelo que determina a legislação federal, o índice de reajuste do benefício de aposentados e pensionistas que recebem valor superior ao do salário mínimo é definido pela variação INPC do ano anterior.

Por isso, o reajuste de 10,16% vale somente para quem estava recebendo os pagamentos em janeiro de 2021. 

Entenda como fica o percentual de acordo com a data de início do seu benefício

Conforme mencionamos, o reajuste de 10,16% vale somente para quem estava recebendo os pagamentos em janeiro de 2021.

O percentual será menor dependendo de quão mais tarde for a data de início do benefício.

Entenda como será o reajuste de acordo com a data de início do seu benefício:

  • Data do início do benefício: janeiro de 2021 reajuste: 10,16%
  • Data do início do benefício: fevereiro de 2021 reajuste: 9,86%
  • Data do início do benefício: março de 2021 reajuste: 8,97%
  • Data do início do benefício: abril de 2021 reajuste: 8,04%
  • Data do início do benefício: maio de 2021 reajuste: 7,63%
  • Data do início do benefício: junho de 2021 reajuste: 6,61%
  • Data do início do benefício: julho de 2021 reajuste: 5,97%
  • Data do início do benefício: agosto de 2021 reajuste: 4,9%
  • Data do início do benefício: setembro de 2021 reajuste: 3,99%
  • Data do início do benefício: outubro de 2021 reajuste: 2,75%
  • Data do início do benefício: novembro de 2021 reajuste: 1,58%
  • Data do início do benefício: dezembro de 2021 reajuste: 0,73%

Mas e quem ganha salário mínimo, como ficou?

Para quem recebe o benefício equivalente ao valor do salário mínimo, o piso nacional subiu de R$ 1.100 para R$ 1.212. 

Vale lembrar que, pelo que determina a legislação, aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte pagas pelo INSS não podem ser inferiores ao salário mínimo.

Tem alguma dúvida sobre este tema? Deixe nos comentários que nós iremos te responder.

Sobre nós

Fundado em 2009, a Advocacia Rodrigo Moura construiu com sua dedicação uma ótima reputação no âmbito do direito, atendendo os clientes e ajudando em suas necessidades e oferecendo assessoria completa durante o período de processo.

Últimas Postagens

Siga nos

Fale conosco

DEIXE NOS TE AUXILIAR, PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO E RECEBA AJUDA PROFISSIONAL

Precisa de auxílio profissional?

Conte com nossos profissionais.

Bem Vindo(a)! 

Continuamos atendendo com horário marcado.

Deixe seus dados e entraremos em contato: