Descubra o Valor das aposentadorias para 2020!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
valor da aposentadoria

Você sabe quanto será o valor da sua aposentadoria segundo as novas regras da Reforma da Previdência?

Muitas pessoas fazem confusão na hora de identificar o valor do benefício e ao final acabam optando por regras erradas justamente por falta de informação.

Vendo essa dificuldade dos segurados, fizemos este conteúdo para que você consiga entender como é feito o cálculo diante das novas regras trazidas pela Reforma.

Para as pessoas que desejam planejar a aposentadoria para garantir as melhores regras e evitar trabalhar mais do que precisa, recomendamos que façam o Planejamento Previdenciário.

Este serviço realiza, dentre diversas outras atividades, o cálculo previdenciário que aplica todas as regras que vamos te passar hoje neste artigo e identifica por qual regra é mais vantajoso que você se aposente.

Continue conosco nesta leitura e vamos às dicas!

Salário de benefício 

O salário de benefício após a Reforma é o resultado da média aritmética de 100% dos salários de contribuição desde julho de 1994 até o último anterior à solicitação. 

Para fazer o cálculo é necessário atualizar o valor dos salários de contribuição, somar o valor deles e dividir pela quantidade.

Renda Mensal Inicial

A Renda Mensal Inicial, ou R.M.I, é o valor final, ou seja, o valor da sua aposentadoria.

Para chegar a este valor é necessário fazer outro cálculo além do salário de benefício.

Como dissemos, o salário de benefício é uma base e após deve ser aplicada a regra específica da aposentadoria que você almeja.

Vamos conferir as regras que temos hoje:

  • Regra Geral: 60% do salário de benefício + 2% ao ano a partir do 21º ano de contribuição;
  • Regra de transição do Pedágio de 50%: 100% do salário de benefício aplicado o fator previdenciário;
  • Regra de transição do Pedágio de 100%: 100% do salário de benefício.

Lembrando que além dessas regras, podem ser aplicadas as regras antigas no caso das pessoas que possuem o direito adquirido.

O direito Adquirido é aquele no qual mesmo após a Reforma da Previdência, o segurado poderá se aposentar pelas regras antigas, inclusive com a Renda Mensal Inicial calculada mediante a regra antiga.

Para que isso seja possível o segurado deverá ter reunido todos os requisitos para se aposentar até o dia 12/11/2019. 

Se você está com dúvidas se cumpriu esses requisitos, faça um planejamento previdenciário e identifique os seus direitos. 

Gostou deste conteúdo? Acesse o site da Advocacia Rodrigo Moura para saber mais sobre direito previdenciário e conversar com um advogado especializado.

Sobre nós

Fundado em 2009, a Advocacia Rodrigo Moura construiu com sua dedicação uma ótima reputação no âmbito do direito, atendendo os clientes e ajudando em suas necessidades e oferecendo assessoria completa durante o período de processo.

Últimas Postagens

Siga nos

Fale conosco

DEIXE NOS TE AUXILIAR, PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO E RECEBA AJUDA PROFISSIONAL

Precisa de auxílio profissional?

Conte com nossos profissionais.

Bem Vindo(a)! 

Continuamos atendendo com horário marcado.

Deixe seus dados e entraremos em contato: