Aposentado que continua trabalhando tem direito ao FGTS?

aposentado fgts

Hoje, na maioria das vezes, o trabalhador tem a oportunidade de sacar o seu FGTS quando é demitido sem justa causa. Quando o trabalhador se aposenta, como fica essa situação?

A resposta pra essa pergunta é inusitada e muitas pessoas desconhecem esse direito. Por isso, vamos falar sobre as regras de pagamento do FGTS para aposentados para que você garanta os seus direitos.

O que é o FGTS?

FGTS significa Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. Trata-se de um valor garantido ao trabalhador com o objetivo de protegê-lo em caso de demissão sem justa causa.

Este fundo, o FGTS, nasce para cada trabalhador a partir da abertura de uma conta vinculada ao contrato de trabalho.

Qual é o cálculo do FGTS?

Todos os meses os empregadores devem depositar na conta, em nome dos empregados, a quantia referente a 8% do salário de do trabalhador.

Quem tem direito ao FGTS?

Possuem direito ao FGTS:

  • Empregados urbanos;
  • Trabalhadores domésticos;
  • Trabalhadores rurais;
  • Trabalhadores temporários;
  • Trabalhadores intermitentes;
  • Trabalhadores avulsos;
  • Trabalhadores safreiros;
  • Atletas profissionais.

Vale lembrar que o trabalho informal não gera o FGTS, ou seja, quando o empregador te contrata, sem a assinatura da sua carteira de trabalho, você poderá ser prejudicada.

Nesses casos, busque sempre o auxílio de um Advogado Previdenciário para uma correta orientação.

Aposentadoria e FGTS

Perante a lei é uma obrigação do empregador fazer o pagamento do Fundo de Garantia, portanto  o aposentado também tem direito a esse benefício.

Quanto ao saque, existe uma regra que foge do padrão que estamos acostumados.

A regra é que o saque seja permitido nos casos de despensa sem justa causa, ou para a compra e venda de imóveis, por exemplo.

A aposentadoria também é um evento que enseja o saque do FGTS, portanto, quando o segurado se aposenta ele poderá requerer o saque deste benefício.

Agora, se o segurado se aposenta e continua trabalhando, temos outra regra a ser aplicada. Nesses casos o segurado possui o direito de fazer o saque mensal do seguro desemprego, caso queira.

Então, resumindo, a partir da aposentadoria, o segurado sempre terá o direito de sacar o seu benefício, sem impedimento para tanto. Se o segurado continua trabalhando ele poderá todo mês fazer o saque do seu fundo de garantia.

Gostou deste conteúdo? Acesse o site da Advocacia Rodrigo Moura para saber mais sobre direito previdenciário e conversar com um advogado especializado.

Sobre nós

Fundado em 2009, a Advocacia Rodrigo Moura construiu com sua dedicação uma ótima reputação no âmbito do direito, atendendo os clientes e ajudando em suas necessidades e oferecendo assessoria completa durante o período de processo.

Últimas Postagens

Siga nos

Fale conosco

DEIXE NOS TE AUXILIAR, PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO E RECEBA AJUDA PROFISSIONAL

Precisa de auxílio profissional?

Conte com nossos profissionais.