O que é Período de Graça e como você pode manter os seus benefícios através dele

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Poucas pessoas sabem o que é o período de graça. Este período estende o seu direito de usufruir dos benefícios previdenciários quando você não está contribuindo para o INSS.

O que é o período de graça? 

Período de graça é aquele que mesmo sem contribuir você mantém a qualidade de segurado

Manter a qualidade de segurado significa que você estará coberto pelos benefícios do INSS – seguro social. 

Quem são as pessoas que possuem este direito?

Todos os trabalhadores que contribuem para o INSS estão sujeitos ao período de graça. Mas para usufruírem deste direito é necessário que o segurado esteja dentro das situações permitidas em lei. 

Diremos quais são no próximo tópico. 

Quais situações permitem que o segurado esteja no período de graça?

Vamos conhecer agora em quais situações você poderá manter a qualidade de segurado mesmo sem contribuir (período de graça). 

  1. Quando o segurado estiver recebendo benefício previdenciário, exceto do auxílio-acidente;
  2. Até doze meses após o fim do recebimento de algum benefício previdenciário por incapacidade, exceto do auxílio-acidente;
  3. Até doze meses após o fim do recebimento do salário maternidade; 
  4. Até doze meses após o último recolhimento realizado para o INSS nos casos de demissão ou em qualquer situação que você deixe de exercer atividade remunerada. Se aplica de igual forma para o trabalhador que estiver suspenso ou licenciado sem remuneração; 
  5. Por até doze meses após terminar a segregação, para os trabalhadores que ficaram de segregação compulsória;
  6. Por até doze meses quando o segurado for solto após a detenção ou prisão;
  7. Por até três meses após o licenciamento para o cidadão incorporado às forças armadas para prestar serviço militar;
  8. Por até seis meses do último recolhimento realizado para o INSS no caso dos cidadãos que pagam na condição de “facultativo”

Importante lembrar que para todos esses casos o prazo de doze meses começa a contar a partir do primeiro mês após aquele que você deixou de contribuir. 

Existem, ainda, algumas situações que permitem a prorrogação dos prazos, ou seja, além de manter a qualidade de segurado pelo informado acima, você poderá prorrogar este prazo por mais um tempo. 

Vamos ver as situações. 

  • + doze meses caso o segurado do item B, C e D da lista anterior tiver mais de 120 contribuições consecutivas ou intercaladas, mas sem a perda da qualidade de segurado;
  • + doze meses caso tenha registro no Sistema Nacional de Emprego – SINE ou tenha recebido seguro-desemprego, ambos dentro do período que mantenha a sua qualidade de segurado;
  • + seis meses no caso do cidadão citado no item H da lista anterior e que tenha por último recebido salário-maternidade ou benefício por incapacidade.

Agora que você já sabe em quais situações mantém a sua qualidade de segurado, vamos mostrar quando você pode perdê-la. 

Perda da qualidade de segurado 

O segurado deve estar atento ao fim dos períodos que citamos anteriormente. Caso este período expire você deverá voltar a fazer contribuições para não perder a qualidade de segurado. 

A data fim para a perda da qualidade de segurado é:

  • 16º dia do 2º mês subsequente ao término do prazo em que estava no “período de graça”, incluindo-se as prorrogações se for o caso.

Desta forma, fique atento ao prazo para não perder os seus benefícios. 

Gostou deste conteúdo? Acesse o site da Advocacia Rodrigo Moura para saber mais sobre direito previdenciário e conversar com um advogado especializado.

Leia também nosso artigo sobre: Acidente de trabalho: quais são os deveres do empregador, clicando aqui.

Sobre nós

Fundado em 2009, a Advocacia Rodrigo Moura construiu com sua dedicação uma ótima reputação no âmbito do direito, atendendo os clientes e ajudando em suas necessidades e oferecendo assessoria completa durante o período de processo.

Últimas Postagens

Siga nos

Fale conosco

DEIXE NOS TE AUXILIAR, PREENCHA O FORMULÁRIO ABAIXO E RECEBA AJUDA PROFISSIONAL

Precisa de auxílio profissional?

Conte com nossos profissionais.

Bem Vindo(a)! 

Continuamos atendendo com horário marcado.

Deixe seus dados e entraremos em contato: